sábado, 23 de janeiro de 2010

Obter e pagar



Originally uploaded by Marooned.
Pede a graça da saúde, mas não te esqueças da própria defesa contra a enfermidade.

Roga a favor da luz, todavia, não permaneças na sombra.

Solicita o facho da esperança, contudo, aprende a cultivar a serenidade, a fim de que te não arrojes aos precipícios do desespero.

Pede a bênção da coragem, mas preserva-te contra o desânimo.

Roga a realização dos próprios desejos, entretanto, procura adaptar-te à Vontade Divina.

Solicita o concretização dos ideais superiores que te nutrem na Terra, mas busca agir sem apego, para que não te enamores das próprias obras que pertencem, no fundo, à Criação Divina.

Pede a graça da iniciação na fé viva, no entanto, capacita-te de que é necessário perseverar na confiança, para que a ventania das perturbações humanas não te apaguem a candeia da boa vontade.

Roga a concessão de recursos materiais para a solução dos problemas que te afligem no mundo, mas, não te esqueças de aprender a gastar com equilíbrio e respeito sem te precipitares em débitos insolúveis.

Solicita a alegria do amor, através dos entes queridos que te rodeiam na existência, no entanto, reconheça que a felicidade dos amigos é diferente da tua, para que te não convertas em tirano do círculo afetivo.

Tudo na vida é permuta, colaboração, experiência e o nosso trabalho é sempre um contrato entre o Senhor e nós outros, na execução do qual precisamos receber para dar e dar para receber.

A providência nos concede as mais ricas possibilidades em todos os setores da jornada evolutiva, entretanto, a Lei exige a nossa quota de contribuição.

“Pedi e obtereis” – ensinou o Divino Mestre. Não nos esqueçamos, porém, de que todas as criaturas e de que todas as cousas são importantes no Universo e que poderemos tudo receber, mas para tudo pagar hoje ou amanhã.

pelo Espírito Emmanuel - Do livro: Assim Vencerás, Médium: Francisco Cândido Xavier

0 comentários:

Tirinhas da Mariana

Tirinhas do Cabeça Oca